Psicologia

1. CONCEPÇÃO DO CURSO:

O Curso de Bacharelado em Psicologia oferecido pela FAFIA –tendo seu reconhecimento prorrogado pela Resolução CEE/ES nº 4548 de 11/052016, publicada no D.O/ES em 31/05/2016 –, fundamenta-se na concepção de desenvolvimento e preservação da saúde, alicerçados em princípios de preservação da vida, superando o estereótipo de saúde como ausência de doenças. Nesse sentido, o curso está organizado de forma a permitir a formação de um profissional com conhecimentos dos processos psíquicos dos seres humanos na atualidade e as reações que eles desencadeiam no organismo, conhecimentos relativos aos processos psicoterápicos ancorados nas diferentes perspectivas da psicologia e conhecimentos sobre análise e detecção de enfermidades psicológicas, bem como alternativas para o seu combate. A concepção do Curso de Bacharelado em Psicologia da FAFIA implica na compreensão de que os Psicólogos ocupam linha de frente na área de saúde, uma vez que seu trabalho envolve a prevenção e o tratamento de enfermidades psicológicas inerentes ao ser humano, porém não naturais, portanto compatíveis com tratamentos de controle e prevenção. 

O Curso de Bacharelado em Psicologia da FAFIA oferece ao mercado de trabalho, profissionais com conhecimentos científicos, capacitação técnica e domínio de habilidades, promoção e aplicação de políticas de saúde, participando e acompanhando a evolução científica e tecnológica e, atuando em equipes multidisciplinares. É nessa perspectiva que se estruturou o presente curso de formação do Psicólogo, com duas ênfases: 

A Ênfase A trata da psicologia e processos clínicos, direcionada para atuar com indivíduos, grupos e instituições, quer em situações de dificuldade de adaptação, quer com patologias da área de abrangência do psicólogo, quer preventivamente, lidando com indivíduos com alterações comportamentais ou com outros comprometimentos inerentes ao âmbito de atuação do psicólogo. 

A Ênfase B trata da psicologia e processos educativos, relacionada ao contexto educacional enquanto espaço no qual ocorre, de maneira sistematizada, as relações de ensino-aprendizagem, enfocando os corpos discente, docente e administrativo, as famílias e a comunidade. 

Os conteúdos e disciplinas do Curso de Bacharelado em Psicologia oferecido pela FAFIA são desenvolvidos de modo articulado, buscando romper com a divisão estanque entre as chamadas disciplinas teóricas e disciplinas práticas. O Curso oferecido pela FAFIA tem a preocupação com a formação integral do profissional, estimulando-o a ser agente de seu desenvolvimento profissional e, por conseguinte, um pesquisador de sua prática. Nesse sentido, constam do currículo, como atividades obrigatórias, a participação dos acadêmicos em atividades complementares e atividades de extensão. 

Dentro dessa visão, todas as disciplinas passam pelo enfoque da articulação constante entre teoria e prática, instrumentalizando o futuro profissional para o desenvolvimento pleno de suas capacidades, por meio da discussão permanente de pesquisas da área de saúde, bem como de pesquisas na área específica de psicologia e o desenvolvimento comprometido e articulado das atividades de pesquisa e estágio.

Além disso, a organização do curso permite a formação de professores de psicologia, oferecendo ao mercado de trabalho profissionais com conhecimentos científicos, capacitação técnica e domínio de práticas pedagógicas, que atendam às exigências de uma educação inclusiva, capazes de refletir, expressar e construir de modo crítico, novos contextos de pensamentos e de ação. 

2. ORGANIZAÇÃO DO CURSO

A Faculdade de Filosofia Ciências e Letras de Alegre – FAFIA oferece o Curso de Bacharelado em Psicologia desde 2006, em regime seriado semestral, organizado em dez períodos. A partir de 2013 passou a ofertar também a formação complementar de professores de psicologia, de acordo com o disposto na Resolução CESS/ES nº 5, de 15 março de 2011, sendo reestruturado em 2015, de acordo com a legislação vigente, com formação de bacharelado, com carga horária de 4.800 (quatro mim e oitocentas) horas/aula (50 minutos), correspondentes a 4.000 (quatro mil) horas, com integralização de no mínimo cinco e no máximo oito anos.

A carga horária do curso é constituída de 3.600 (três mil e seiscentas) horas/aula teóricas e práticas, 130 (cento e trinta) horas/aula de atividades complementares, 830 (oitocentos e trinta) horas/aula de estágio supervisionado, 160 (cento e sessenta) horas /aula destinadas à orientação e elaboração de TCC e 200 (duzentas) horas/aula de seminários. 

Destaca-se que a carga horária na forma acima descrita refere-se à integralização do curso para uma das duas ênfases previstas. Para integralização do curso contemplando as duas ênfases são acrescidas 560h/a das quais 240h/a destinam-se as aulas teóricas e práticas e 320h/a ao estágio supervisionado.

Os primeiros sete períodos do curso visam à formação básica do profissional de Psicologia, organizados com disciplinas necessárias para as duas ênfases previstas. A partir do oitavo período o aluno pode optar por uma ou pelas duas ênfases de formação específica. Uma vez feita a opção pelas duas ênfases, o aluno deverá, obrigatoriamente, integralizar toda a organização curricular prevista para as referidas ênfases, para a conclusão do curso. 

A FAFIA oferece o Curso de Bacharelado em Psicologia, com ênfase em Psicologia e Processos Clínicos (Ênfase A), e Psicologia e Processos Educativos (Ênfase B), além da Formação de Professores de Psicologia, constante do Projeto Complementar, opcional para os alunos, cuja carga horária é constituída de 1200 (mil e duzentas) horas/aula, sendo que 600 (seiscentas) horas/aula de atividades teóricas e práticas e 360 (trezentas e sessenta) horas/aula de estágio. Está inserida ainda na organização curricular da formação do professor de psicologia 240 (duzentas e quarenta) horas/aula de atividades complementares, o que perfaz um total de 1000 (mil) horas de atividades para a formação do professor, conforme legislação pertinente. 

Nesses dez anos de curso, foi sendo construída a identidade do curso de Psicologia da FAFIA com base nas ênfases propostas. A ênfase em Psicologia e Processos Clínicos tem como identidade as ações em Saúde Mental, e a ênfase da Psicologia e a ênfase da Psicologia e Processos Educativos contempla as ações em Transtornos da Aprendizagem.

3. REGIME DE FREQUÊNCIA

De acordo com as normas regimentais, o aluno é obrigado a estar presente a no mínimo 75% das aulas dadas de cada disciplina em que ele estiver matriculado. Caso o aluno ultrapasse o limite máximo de 25% de faltas a que tem direito, ficará automaticamente reprovado na disciplina, sem qualquer possibilidade de estudos de recuperação; tampouco lhe será permitido realizar exames finais. O estágio supervisionado, tanto de formação básica, quanto de formação específica é obrigatório para a integralização do currículo e deve ser cumprido integralmente, ou seja, o percentual de cumprimento é de 100% (cem por cento).

4. REGIME DE MATRÍCULA DOS ALUNOS

A matrícula, ato formal de ingresso no curso e de vinculação à Faculdade, realiza-se em prazos estabelecidos no calendário escolar, através de requerimento formalizado pelo aluno. 

A matrícula é feita por período, no conjunto das disciplinas oferecidas, admitindo-se a matrícula por dependência em até 03 (três) disciplinas, obedecidos aos pré-requisitos para sequência curricular, a compatibilidade de horários e as exigências de aproveitamento das demais disciplinas. 

5. MISSÃO DO CURSO

O Curso de Graduação em Psicologia tem como missão precípua possibilitar aos futuros profissionais o domínio do conhecimento específico de sua área de atuação, de modo a contribuir para a compreensão da saúde como direito e dever de todos os cidadãos e a compreensão das múltiplas determinações que impelem para o surgimento de doenças psíquicas.

Insere-se nesta missão o compromisso com a formação de Psicólogos, capazes de promover sua atividade profissional na perspectiva do desenvolvimento e preservação da saúde psíquica dos indivíduos, considerando a multiplicidade das práticas sociais, das políticas públicas de saúde e as possibilidades de transformação. Integrada a essa missão está a preocupação em garantir que os egressos do Curso de Bacharelado em Psicologia tenham uma sólida formação de conteúdos na área das Ciências da Saúde, na área das Ciências Psicológicas, das Ciências Humanas e Sociais e, ainda, uma formação geral envolvendo outros campos do conhecimento necessários ao exercício de sua profissão; uma formação que possibilite tanto a vivência crítica das condições de saúde de nossa sociedade, como também a experimentação de novas propostas que considerem a evolução da ciência; um comprometimento político e ético com a equidade social e com a participação ativa e crítica nos destinos da sociedade.

6. OBJETIVOS DO CURSO 

Possibilitar a formação do Psicólogo, com ênfase em psicologia e processos clínicos e psicologia e processos educativos, dotado de habilidades e competências para o exercício de sua profissão, comprometido com uma perspectiva científica e com o exercício da cidadania, com rigorosa postura ética, visão abrangente e integrada dos processos psicológicos, de modo a ser capaz de contribuir para a ampliação dos impactos sociais dos serviços prestados à sociedade, buscando atuar no sentido de efetuar mudanças qualitativas nas condições de saúde do povo. 

Além disso, possibilitar a formação de cidadãos capazes de atuarem dentro de padrões profissionais elevados e de participarem ativa e inovadoramente do desenvolvimento da Psicologia como área de conhecimento científico e como prática profissional, capazes de olhar os desafios que o futuro coloca, dentro de padrões éticos e com claro compromisso com a superação dos problemas sociais e humanos que permeiam a atualidade. 

7. PERFIL DO EGRESSO

O profissional formado no Curso de Graduação em Psicologia estará habilitado como Psicólogo, com ênfase em Psicologia Clínica, e Psicologia e Processos Educativos, capacitado a analisar o campo de atuação profissional e seus desafios contemporâneos e o contexto em que atua profissionalmente nas dimensões institucional e organizacional, identificando necessidades de natureza psicológica, bem como diagnosticando, planejando e intervindo de forma coerente, com referenciais teóricos, tornando-se capaz de formular questões de investigação científica. O Psicólogo deverá, ainda, ser capaz de diagnosticar, avaliar e atuar em problemas humanos de ordem cognitiva, comportamental e afetiva, coordenar e manejar processos grupais, atuar inter e multiprofissionalmente, realizar orientação, aconselhamento psicológico e psicoterápico, assim como elaborar relatos científicos, pareceres e laudos técnicos. 

8. COMPETÊNCIAS E HABILIDADES ESSENCIAIS:

O Curso de Bacharelado em Psicologia está organizado de forma a abranger conteúdos e atividades que constituam uma base consistente para a formação do Psicólogo competente e comprometido com a causa da saúde da população. Nesse sentido, busca-se o desenvolvimento das seguintes competências e habilidades essenciais.

  • Atenção à saúde: os profissionais devem estar aptos a desenvolver ações de prevenção, promoção, proteção e reabilitação da saúde psicológica e psicossocial, tanto em nível individual quanto coletivo, bem como a realizar seus serviços dentro dos mais altos padrões de qualidade e dos princípios da ética/bioética.
  • Tomada de decisões: o trabalho dos profissionais deve estar fundamentado na capacidade de avaliar, sistematizar e decidir as condutas mais adequadas, baseadas em evidências científicas;
  • Comunicação: os profissionais devem ser acessíveis e devem manter os princípios éticos no uso das informações a eles confiadas, na interação com outros profissionais de saúde e o público em geral.
  • Liderança: no trabalho em equipe multiprofissional, os profissionais deverão estar aptos a assumirem posições de liderança, sempre tendo em vista o bem estar da comunidade.
  • Administração e gerenciamento: os profissionais devem estar aptos a tomar iniciativas, fazer o gerenciamento e administração tanto da força de trabalho, dos recursos físicos e materiais e de informação, da mesma forma que devem estar aptos a serem empreendedores, gestores, empregadores ou lideranças na equipe de trabalho;
  • Educação permanente: os profissionais devem ser capazes de aprender continuamente, tanto na sua formação, quanto na sua prática e de ter responsabilidade e compromisso com a sua educação e o treinamento/estágios das futuras gerações de profissionais, estimulando e desenvolvendo a mobilidade acadêmico/profissional, a formação e a cooperação através de redes nacionais e internacionais.

 

Entre em contato

FAFIA - Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Alegre.
Rua Belo Amorim, nº 100 - Alegre/ES - 29500-000
  • Telefone: (28) 3552-1412